O INÍCIO

É impossível falar em Renascer Praise sem falar de sua idealizadora, a bispa Sônia Hernandes. Desde pequena, a bispa se envolveu com a música. Uma antiga empregada da casa chamada Miriam, dizia que a menina já acordava cantando. ” Minha mãe sempre nos incentivou. Ela é pós-graduada em música, toca acordeom, teclado… Meu irmão toca vários instrumentos. Quanto a mim, minha mãe fez o que pode”, brinca a bispa. “Ela me colocou para estudar piano. O sonho dela era esse. Mas eu queria estudar violão, porque achava que onde eu fosse poderia leva-lo para tocar e cantar. Com 5 anos comecei a estudar piano com uma professora particular, depois fui para um conservatório, dei algumas audições, mas só fui até o quinto ano. Como minha mãe não desistiu, ela me colocou para fazer regência, canto e coral. Fiz dois anos. Mas nem piano, nem violão, nem nada.”

Anos se passaram, até que a bispa Sônia recebeu um chamado muito especial, em um acampamento de jovens da Igreja Renascer em Cristo. “Tive uma experiência muito forte com Jesus. no dia 6 de fevereiro de 1989. Tinha me levantado de madrugada para preparar um estudo que iria pregar na manhã seguinte.

De repente, parece que a bíblia se abriu inteira. Leio a Bíblia desde os 6 anos, mas naquele momento tudo começou a fazer sentido. Não sei como descrever. Foi algo muito profundo, em que recebi de Deus revelações muito sérias e, a partir daquele dia, comecei a ouvir. Foi incrível. No início dos anos 90 o casal Hernandes abrigava em sua casa 12 jovens que estavam se recuperando das drogas e uma senhora que não tinha lugar para morar. Foi num dia, quando a bispa estava levando café para ela, que começou o que seria um ministério maravilhoso. “Quando sentei na cama dela comecei a ouvir vozes. Então, perguntei: ‘Está ouvindo esse coral maravilhoso?’ Ela me respondeu que não, mas insisti: ‘Como não está ouvindo?’ Naquele momento eu estava ouvindo o coral, a letra, as vozes… Era um coral de sete vozes. Tinha de tudo, barítonos, contraltos, sopranos. Era um coral completo, uma coisa linda. A partir desse dia, comecei muitas vezes a acordar literalmente cantando, louvando. Entendo que foi aí que recebi este dom”, emociona-se a bispa Sônia, insistindo que a música sempre fez parte de sua vida.

DEIXE SEU COMENTARIO PARA O RENASCER PRAISE!